Leitura

Pondera sobre a situação do trabalho escravo praticado atualmente no Brasil, revelando que os dispositivos aparelhados para a garantia da dignidade humana, atrelado s à dignidade do trabalho, padecem de ineficácia.

Evidencia as ações concretas que visam à erradicação do trabalho escravo por meio da evolução de políticas públicas e do combate jurisdicional e institucional, fazendo-se cumprir com os acordos e convenções firmados entre o Brasil e a ordem internacional de proteção dos direitos humanos.

Elisaide Trevisam é doutoranda em Filosofia do Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Mestre em Direitos Humanos. Especialista em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho. Advogada. Professora Universitária com experiência acadêmica na área do Direito.