Leitura

O iconoclasta

Em Iconoclasta, o autor desvenda, a mente e os segredos daqueles que fazem o que o senso comum afirma ser impossível, e ensina o leitor a trabalhar sua criatividade em prol das conquistas pessoais. Os iconoclastas, possuem facilidade para criar conceitos e desenvolver práticas capazes de revolucionar áreas como a arte, a ciência e a economia. Isso ocorre porque o cérebro humano é programado para poupar o máximo de energia em suas atividades. Para tanto, possui três obstáculos naturais que se colocam no caminho do pensamento realmente inovador: percepção ineficiente, medo do fracasso e incapacidade de convencer os outros. Os iconoclastas, simplesmente, são capazes de transpor essas barreiras.

Gregory Berns é professor na Goizueta Business School e titular honorário do curso de neuroeconomia. 

Resistência II: Defesa e crítica da Justiça do Trabalho

No segundo volume da obra, artigos escritos por juristas, professores e profissionais da Justiça do Trabalho refletem sobre a Reforma Trabalhista e os impactos nos Direitos Fundamentais como o de acesso à Justiça, e as repercussões nas relações sociais, nos índices de emprego e na qualidade de vida. Um dos artigos é de autoria do Desembargador da 10ª Região Grijalbo Fernandes Coutinho. 

O livro é coordenado por Jorge Luiz Souto Maior e Valdete Souto Severo. Jorge Luiz Souto Maior é professor de Direito do Trbalho na USP/SP. Doutor em Direito do Trabalho e Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região. Valdete Souto Severo é Doutora em Direito do Trabalho e Juíza do Trabalho. 

 

O gestor eficaz

O obra explica os detalhes do que os gerentes devem realizar e como podem conceituar seu trabalho, além de dar dicas de como ter uma percepção produtiva. O sumário indica os seguintes capítulos: "eficácia pode ser aprendida", "ele conhece o seu tempo", "com que posso contribuir", "como tornar produtiva a força", "primeiro as primeiras coisas", "elementos da tomada de decisão", "decisões eficazes".

Conhecido como o “pai da gestão moderna”, o autor Peter F. Drucker é responsável por fazer previsões acertadas de tendências marcantes, como a descentralização, a privatização e o desenvolvimento da sociedade da informação. Além de consultor empresarial e professor, Druker escreveu trinta e nove livros e numerosos artigos que discutem como os humanos se organizam em empresas, governos e instituições não lucrativas.

O código Da Vinci

Romance ficcional policial de 2003, escrito por Dan Brown.

Um assassinato dentro do Museu do Louvre, em Paris, traz à tona uma sinistra conspiração para revelar um segredo que foi protegido por uma sociedade secreta desde os tempos de Jesus Cristo. A vítima é o respeitado curador do museu, Jacques Saunière, um dos líderes dessa antiga fraternidade, o Priorado de Sião, que já teve como membros Leonardo da Vinci, Victor Hugo e Isaac Newton. Momentos antes de morrer, Saunière consegue deixar uma mensagem cifrada na cena do crime que apenas sua neta, a criptógrafa francesa Sophie Neveu, e Robert Langdon, um famoso simbologista de Harvard, podem desvendar.

A obra tornou-se um best-seller mundial que vendeu 80 milhões de exemplares a partir de 2009 e foi traduzido para 44 idiomas. Em novembro de 2004, a Random House publicou uma "Edição Especial Ilustrada" com 160 ilustrações. Em 2006, uma adaptação cinematográfica foi lançada pela Columbia Pictures.

 

United Kingdom Bookmaker CBETTING claim Paddy Power Bonus from link.