Leitura

Posso me aposentar "de verdade". E agora? Contradições e ambiguidades vividas no processo de aposentadoria

Verificando a relação entre aspectos objetivos e a trajetória sócio-histórica de personagens reais apresentados nesta obra, a autora realiza uma análise das contradições e ambiguidades vividas pro profissionais que se dedicaram ao trabalho durante a maior parte de suas vidas e no momento de parar se debatem diante da incerteza, da insegurança e das expectativas em relação ao futuro. Embora tenha estudado altos executivos de bancos brasileiros já aposentados pelo INSS e ainda em atividade laboral, suas reflexões podem ser aplicadas às demais categorias profissionais em decorrência do modelo de gestão do trabalho na contemporaneidade.

Trabalho, família e gênero: impactos dos Direitos do Trabalho e da educação infantil

Trata do conflito entre trabalho e as responsabilidades familiares. Adepta da crítica feminista à separação entre as esferas da produção e da reprodução social, a autora discute que a feminização dos mercados de trabalho coincidiu com a transformação da organização do trabalho e da produção. Essas mudanças incrementaram as tensões entre trabalho e vida familiar.

O livro também trata das tensões provocadas pelas profundas alterações na estrutura das famílias bem como na provisão de políticas públicas pelo Estado.

A morte de Quincas Berro Dágua

A morte e a morte de Quincas Berro Dágua conta a história da dupla - talvez tripla - morte de Joaquim Soares da Cunha. Teria ele morrido de morte natural, no leito pobre de um cortiço da ladeira do Tabuão, ou embarcado para o outro mundo algumas horas depois, no mar da Bahia, onde sempre desejara ser sepultado? Ou teria partido antes, quando caiu na vida dissoluta da capital baiana?


Para desgosto da família, Joaquim Soares da Cunha, o Quincas, decidira largar tudo. A certa altura da vida, deixara de ser funcionário exemplar, pai, esposo e cidadão de bem para se juntar à malandragem da cidade, tornando-se o “cachaceiro-mor”, o “rei dos vagabundos da Bahia”.


Certo dia, amanheceu morto. Para o velório, os familiares tentam restaurar o respeito pelo falecido e o vestem com elegância. No caixão, porém, Quincas ostenta um sorriso maroto. Estaria mesmo morto?


À noite, chegam os companheiros de farra: Curió, negro Pastinha, cabo Martim e Pé-de-Vento. Os amigos de boa vida, embalados pela cachaça, dão de beber ao defunto e levam Quincas para passear pelas ruas da cidade até a orla. Ali, junto de seus amigos e de sua amante, Quitéria do Olho Arregalado, Quincas Berro Dágua vai encontrar seu derradeiro destino.


Texto enxuto e denso, poético e debochado, A morte e a morte de Quincas Berro Dágua é uma pequena obra-prima de Jorge Amado. Com construção e estilo primorosos, trata do conflito entre a ordem instituída e a liberdade da boemia.

Manual de Direito do Trabalho

Em sua 8ª edição, esta obra escrita por Gustavo Filipe Barbosa Garcia tem como objetivo apresentar uma análise didática e sintetizada, porém completa, do Direito do Trabalho, referente aos aspectos de maior relevância envolvidos na sua disciplina.


Procura-se estudar a essência do mencionado ramo do Direito, em seus fundamentos, institutos, regras e princípios, apresentando as noções e os conceitos necessários para a sua devida compreensão. São, assim, analisados os principais temas pertinentes à História do Direito do Trabalho, Teoria Geral do Direito do Trabalho, Direito Internacional do Trabalho, Direito Individual do Trabalho e Direito Coletivo do Trabalho.

United Kingdom Bookmaker CBETTING claim Paddy Power Bonus from link.